Capitulo 24

Capitulo 24: Os dois lados de uma vida

.

Driffa olha para Siegfried se afastando, ela admira mais uma vez o sangue do guerreiro de Odin que esta em seu braço direito, para então fechar os olhos e criar uma grande nevasca em volta de seu corpo, esta cura os ferimentos e restaura a armadura da guerreira, porém como ela havia previsto parte do sangue do guerreiro ainda fica aderida a sua armadura

.

Driffa:  Ham…A cada novo corpo que crio para mim, fica mais difícil de lembrar do que sinto por você irmã. Eu espero que Siegfried consiga salva-la porque para mim já não há mais esperança

.

??????: Meus deuses. Como é dramática

.

Driffa é pega de surpresa pela voz e esquece o que estava pensando, ela a reconhece

.

Driffa: Hrist. O que está fazendo aqui?

.

A Wave Nikr da Chama Sul, surge em meio à destruição. Ela se aproxima de Driffa com um sorriso no rosto

.

Hrist: Ora… Vim ver como você estava se saindo, sabe que gosto de presenciar uma boa luta

.

Driffa: Eu sei…mas e você, como foi sua luta?

.

Hrist: Ah!… Revigorante! Mas gostaria de saber por que disse nosso segredo a Siegfried

.

Driffa: Bom, acreditei que ele e minha irmã tinham o direito de saber

.

Hrist: SSSSeeeeeeiiiii! Então foi só isso né?

.

Driffa: Do que está falando?

.

Hrist: Acho que sabe do que estou falando

.

Driffa: Pare de dizer bobagens!

.

Hrist da um sorriso e ri um pouco

.

Hrist:Bom bobagem ou não, tenho que dizer que ele e o Hugin me impressionaram

.

Driffa: A mim também…eles tem um grande potencial, mas gostaria de ajudá-los mais.

.

Hrist: Eu também Driffa.Eu também

.

Hrist dá um sorriso para Driffa, esta tenta demonstrar alguma emoção em resposta, mas não consegue

.

————————————

.

A cena muda para outra ilha, esta possui uma flora abundante que se assemelha a uma floresta tropical, em meio algumas árvores surge Shido o guerreiro da estrela zeta. Ele tenta entender a paisagem onde está nunca tinha visto uma floresta assim, não existe nenhum caminho entre as árvores. Shido anda sem rumo e está sofrendo com o clima abafado, o guerreiro já tinha tentado criar um ar frio a sua volta para amenizar o calor, porém percebeu que isso poderia chamar muita atenção. Ele sabia que estava lá para lutar, mas não queria ser pego de surpresa. Depois de muito andar entre as árvores o guerreiro chega numa clareira, no meio dela existe uma grande árvore, Shido só tinha uma árvore de tamanho semelhante, a Yggdrasil. A árvore possuía raízes aparentes espalhadas pelo solo, que se dispunham de forma circular em volta dela. No centro do tronco existe um W entalhado.

.

(Shido): Será que é aqui que devo encontrar meu adversário?

.

Shido se aproxima da árvore e toca no grande W entalhado no tronco, imediatamente o entalhe começa a emitir um brilho verde, Shido sente um grande cosmo vindo da árvore e se afasta colocando-se em posição de defesa. A árvore começa a florescer, a energia que ela transmite faz todas as árvores em volta darem flores também. Shido sente um tremor no local como se algo estivesse se aproximando por baixo do solo. Perto da árvore uma grande lagarta branca e verde surge da terra, tem o tamanho de uma pessoa, o guerreiro de Odin prepara-se para se defender do monstro, mas este o ignora e começa a subir à árvore. Quando chega à altura de um dos galhos da copa, a lagarta prende a ponta traseira de seu corpo no galho e lança vários fios de seda pela boca cobrindo-se e formando uma pupa. Depois de alguns segundos a pupa começa a rasgar, de dentro dela sai uma bela mulher, ela possui uma armadura semelhante à de Driffa, porém é verde com detalhes marrons, a armadura possui asas de borboleta que são brancas com machas em diferentes tons de verde e marrom. A guerreira possui cabelos castanhos e olhos verdes, tem uma expressão de serenidade. Neste momento as flores da grande árvore começam a cair algumas ficam presas nos cabelos da guerreira

.

Guerreira: Olá meu nome ééé….

.

A guerreira se enrosca nos fios de seda que fazem parte da pupa, perdendo assim o equilíbrio e caindo de cabeça no chão. Shido estranha aquela cena e sai da posição de combate. A Donzela das Ondas logo se recompõe ficando de pé

.

Guerreira: Ah calma….eu to bem, eu to bem! Droga….eu queria fazer uma  entrada triunfal mas acho que não muito certo né ?

.

Ela diz isso coçando a cabeça. Shido não sabe como reagir àquilo.

.

(Shido): Será que ela está tentando me confundir? Ou é só idiota mesmo?

.

Guerreira: Bom…enfim eu sou Reginleif das Terras do Oeste. Você deve ser os Shido…Então podemos começar então

.

Shido: Hum…tem certeza que não quer um momento para se recompor

.

Reginleif se coloca em posição de combate

.

Reginleif: Ei! Não faça pouco de mim! Não sabe do que sou capaz

.

Shido: Vamos ver então…Venha!

.

Shido também se coloca em posição. Os dois adversários se encaram enquanto uma rajada de vento sopra no local.

.

————————————–

.

A cena muda para outro mundo. Um mundo iluminado onde seres da floresta viviam em paz, porém esta paz foi interrompida pela chegada de um dragão de luz. Esse monstro vem causando destruição por onde passa. Muitos guerreiros do povo da floresta, também conhecidos como elfos, já tentaram enfrentá-lo, mas sempre encontraram a derrota, mas estranhamente o dragão ainda não matou ninguém,  porém já feriu gravemente muitos elfos e destruiu varias vilas. O povo não teve escolha se não fugir para os anciãos para se proteger e esperar a volta de seu deus, o grande Frey, na esperança que ele traga a salvação.

.

Numa caverna escura da floresta dos elfos, existe um guerreiro das sombras, alguns dizem que ele foi o único a ferir o dragão e tem sido prisioneiro do monstro desde então, porém outros dizem que foi esse guerreiro quem atraiu o dragão para esse mundo, iniciando assim essa desgraça. Claro as sombras sempre são aquelas que trazem desgraça, mas talvez esse não seja o caso. Independe de qual historia seja a verdade o guerreiro renegado, conhecido como Bado, permanece lá e ele ainda tem algo há fazer

.

(Bado): Quanto tempo que estou aqui?Já se passaram muitos dias, desde que acordei acorrentado, eu ainda não sei como me livrar dessas correntes de luz, mas tenho que achar uma maneira e rápido. A cada dia que eu vejo Kyra, menos eu sinto o cosmo dela em seu corpo e mais eu sinto o cosmo de Moin, logo será tarde de mais. Eu tenho que sair daqui, tenho que salva-lá, mas como?

.

(?????):É só aceitar quem você é Bado

.

Bado: Quem disse isso?

.

Bado olha em volta, mas não vê ninguém

.

??????: Quem mais seria guerreiro de Alcor?

.

(Bado): Esta voz está vindo da armadura!, Quer dizer então….que é o espírito do Tigre de Alcor falando comigo

.

(Alcor): Exatamente Bado. Eu estou aqui para te ajudar, mas para isso ser possível você deve aceitar quem você é

.

(Bado): Como assim?

.

(Alcor): Aceite que é o guerreiro de Alcor, pare de perseguir o posto de seu irmão, permita que eu entre em seu espírito e te passe o poder das sombras. Por favor, eu só quero ajudar

.

(Bado): Renunciar, ao meu desejo de ser o guerreiro de Mizar.Mas…

.

(Alcor): Você não quer salvar Kyra?

.

(Bado): Claro que sim!

.

(Alcor): Então aceite seu posto Bado

.

Bado está confuso ele não quer desistir de seu desejo de superar Shido, mas também ele não pode deixar Kyra sozinha, tudo isso é culpa dele. Faria qualquer coisa para ajudá-la

.

Bado: Tudo bem, o que devo fazer?

.

(Alcor): Essas correntes de luz reagem ao seu cosmo das sombras e ao seu espírito, elas ficam mais fortes quanto mais você aumenta seu cosmo. Bado para se soltar delas você tem que fazer seu cosmo e sua presença sumir e eu posso te ajudar a fazer isso

.

(Bado): Certo

.

(Alcor): Certo então, esvazie sua mente

.

Bado fecha os olhos, ele pensa somente nas sombras que o rodeiam

.

(Alcor): Esvazie seu cosmo

.

Bado diminui seu cosmo, mais e mais deixando que as sombras do espírito do tigre entrem seu corpo. Logo o guerreiro das sombras perde todos seus sentidos. Ele apenas sente seu espírito em meio à escuridão

.

(Alcor): Agora… esvazie seu espírito!

.

Bado se torna apenas uma sombra, seu cosmo e sua presença desaparecem, ele está tão fundido com as sombras que ninguém poderia se quer perceber seu corpo. As correntes não sentem mais Bado e por isso desaparecem. Quando se vê livre, o guerreiro se separa das sombras e corre para a saída da caverna.

.

(Bado): Obrigado espírito. Agora tenho que encontrar os elfos anciãos, acho que eles são melhor chance que eu tenho para salvar Kyra

.

Bado corre entre as árvores, ele some no meio das sombras da floresta, o guerreiro corre na direção da montanha dos elfos anciãos, porém no meio do caminho, Bado é atingido por uma grande luz, a fonte da luz parece ser um corpo feminino alado que desce do céu. Ele está armado com duas espadas de um gume semelhantes às katanas japonesa, que estão guardadas em sua cintura

.

Bado: Kyra…

.

Kyra: Pensou que iria escapar de mim, Bado?

.

———————————————-

.

A cena volta para ilha onde estão Shido e Reginleif. O Guerreiro deus aumenta seu cosmo, o frio que emana começa a congelar todo o chão e as árvores próximas. O ambiente muda completamente, a floresta tropical parece ter virado uma floresta cheia neve. Shido se prepara para atacar Reginleif,  porém esta não parece preocupada. O guerreiro salta, garras surgem em sua mão.

 

Shido:VIKING TIGER ….(GARRAS DO TIGRE….)

.

Antes que Shido pudesse dar seu ataque, um cipó de árvore se enrola em sua mão, o guerreiro tenta congelar-lo com seu cosmo, mas não adianta, logo mais um cipó, se enrola em outro pulso e depois dois cipós surgem e prendem suas pernas. Shido desiste de tentar congelá-los, e usa suas garras para cortá-los. Ele pousa no chão e percebe algo estranho, todo gelo que ele tinha produzido está derretendo e não é só isso, por algum motivo ele não consegue propagar seu ar gelado pelo local. A guerreira de Aegir emana um cosmo que está impedindo, que o guerreiro propague seu ar frio

.

Shido: Como? Seu cosmo nem está elevado, como consegue impedir que meu ar frio se propague?

.

Reginleif:Hum…Eu sou a Wave Nikr da Terra, meu cosmo está conectado a todas as árvores dessa ilha, ele protege esses seres de qualquer coisa, além disso meu cosmo se baseia num poder, que sempre vai superar o seu cosmo destrutivo e cheio de dúvidas

.

Shido: Cheio de dúvidas? Do que está falando?

.

Reginleif: Você duvida da sua força Shido, duvida que mereça o posto de guerreiro deus.

.

Shido: Eu o que?Ora está muito enganada eu….

.

Reginleif: Pode esconder de todo mundo, mas não de mim eu posso ler seu espírito perfeitamente. Você não sabe se merece esse titulo mais que seu irmão Bado. Tem essa dúvida desde quando viu seu irmão lutando

.

Shido se enfurece, no fundo ele sabe que aquilo é verdade, mas sua mente se recusa a admitir.

.

Shido: Calada!

.

A Wave Nikr fala num tom de deboche

.

Reginleif: Alguém não quer admitir.. Ha… não adianta negar Shido, você duvida de seu poder e isso o torna fraco

.

Shido fica ainda mais enfurecido, ele começa a concentrar seu cosmo em suas mãos, criando uma bola de energia cor de safira com arcos azuis escuros em volta, ela se assemelha a um modelo de átomo

.

Shido: Vou lhe mostrar que não duvido da minha força. FUSION SAPPHIRE IMPULSE (IMPULSO SAFIRA DE FUSÃO)

.

Shido lança sua bola de energia em direção à guerreira de Aegir, a esfera parece estar instável, como se fosse explodir a qualquer momento. Reginleif estende a mão direta, um monte de terra se eleva do chão e envolve a bola de energia de Shido, o monte de terra puxa a esfera para o subterrâneo e continua indo cada vez mais fundo, até que explode pela pressão do subterrâneo, porém a esfera já está tão fundo, quando isso ocorre, que a explosão nem é sentida na superfície.

.

Reginleif: Seu poder só pode destruir Shido. Não pode me vencer porque meu poder se baseia na criação, eu dou energia e vida a todas essas árvores, e em troca elas me fornecem a força de seu espírito. Você não pode superar o poder da vida com destruição!

.

Shido está impressionado com que acabou de acontecer, mas ele não revela isso, se mantêm em posição de combate, esperando o próximo movimento da adversária. Ele não pode simplesmente atacar, agora que ela superou todas suas técnicas. O guerreiro deus tem que estudar melhor sua adversária, ele começa a suar

.

Reginleif: Ainda sinto duvida em você Shido, ela está cada vez mais evidente. Não quer admitir porque tem medo de ser rejeitado, tem medo de cair na desonra. Tudo bem Shido… não tenha medo de não ser aceito, porque sempre haverá um lugar para você aqui junto comigo!

.

Shido: O que?Mas o que é isso

.

Shido percebe que suas pernas estão envolvidas por raízes até a altura do joelho.  Ele tenta se soltar, mas é inútil, as raízes parecem resistir a tudo. O guerreiro não entende como não pode perceber isso, as dúvidas em sua mente ficam mais fortes, são tantos questionamentos, como se milhões de vozes estivessem dizendo como foi idiota, como foi patético, questionando se ele merece seu posto. Mais e mais raízes surgem do chão e envolvem todo o corpo do guerreiro. Shido na esperança que os questionamentos sumam tenta se soltar a todo custo, mas não consegue. Então ele percebe algo estranho, suas forças estão diminuindo, as raízes estão sugando sua energia!

.

Reginleif: Você pode relaxar agora Shido. Meu manto de raízes sugara sua vida, para dar energia a minhas crianças. Não haverá mais dúvida nem desonra para você, seu poder deixará de ser destrutivo e dará nova vida a está ilha!

.

Shido está perdendo suas forças, mas ainda resiste

.

(Shido): Eu tenho que sair daqui. Tenho que mostrar que não sinto duvida, tenho que mostrar que…ainda tenho honra. Eu..eu…

.

As vozes continuam na sua cabeça, questionado sua honra e seu poder. Porém do meio do caos da mente de Shido, surge uma voz diferente que faz todas as outras se calarem

.

(?????): Shido! Pare de negar!

.

(Shido): Esta voz vem da armadura! O Tigre de Mizar está falando comigo.

.

Mizar:Shido, não há desonra em admitir uma fraqueza, mas sim em negá-la. Você deve enfrentar suas fraquezas e não se esconder delas

.

(Shido): Tem razão! Não posso deixar que as dúvidas me atrapalhem, eu tenho que admiti-las, enfrentar-las para ser um guerreiro deus!

.

Shido aumenta seu cosmo, suas forças parecem voltar. Reginleif percebe

.

Reginleif: Não é possível! Não consigo mais sugar a energia dele. O cosmo dele está diferente! Algo está dando mais força a ele!

.

A mão direita de Shido surge em meio às raízes, ela está cheia de energia. Uma esfera branca envolta por arcos azuis safiras, surge nela .

.

Shido: DIAMOND IMPULSE (IMPULSO DIAMANTE)!

.

A bola de energia explode e imediatamente tudo na área é congelado! Shido destrói as raízes agora congeladas. E se coloca em posição de combate, o cosmo que ele emana é poderosíssimo

.

Shido: Tem razão Reginleif! Eu tenho uma duvida, eu não sei se sou merecedor do meu titulo, mas não vou deixar que isso me impeça de completar meu objetivo!

.

Reginleif parece que não ouviu nada que Shido disse, ela esta ajoelhada no chão segurando uma flor congelada. Seu olhar é de profunda tristeza, como se uma parte de seu coração tivesse sido arrancado e destruído.

.

Reginleif: Você…Você…as matou! Você as matou! Eu…eu

.

O cosmo da guerreira muda, se tornando mais agressivo. Ela está cheia de ódio!

.

Reginleif: Eu nunca vou te PERDOAR!!!

.

Shido é intimidado pelo cosmo cheio de ódio, que parece emanar não só da guerreira, mas da ilha toda!

.

————————————————-

.

A cena volta para o mundo dos elfos da luz, onde Bado e Kyra ainda se encaram. O guerreiro deus sabe que não tem tempo para lutar, ele tem que chegar até os anciãos, tem que achar um jeito de escapar.

.

Kyra: Impressionante Bado, se soltou de minhas correntes mas…

.

Kyra percebe que Bado sumiu, ela sorri e fecha os olhos

.

(Kyra): Patético

.

Kyra se vira e desembainha uma de suas espadas, então lança um raio de luz no meio das sombras da floresta.

.

Bado: AAAAAHHHHH!

.

Bado é atingido pelo raio de luz e cai de joelhos no chão, Kyra se aproxima dele.

.

Kyra: Bado eu posso sentir seu espírito onde você estiver não adianta esconder seu cosmo, eu posso sentir a essência de sua alma. Nunca irá escapar de minha Luz!

.

Kyra desembainha a outra espada e junta as duas acima de sua cabeça formando uma espada de dois gumes. Esta emite uma grande luz dourada que cegaria qualquer pessoa normal. Bado sabe que ela vai atacar a qualquer momento, ele tem que se esquivar, mas não sabe como

.

(Bado): Como posso escapar?

.

Uma voz vinda da armadura, fala com guerreiro

.

(?????): Bado!

.

(Bado): Alcor!

.

(Alcor): Bado confie em mim!

.

Bado: Certo!

.

Kyra lança um raio de luz de sua espada, porém erra o alvo. Bado sumiu novamente, ela tenta sentir o espírito do guerreiro, mas não consegue

.

(Kyra): Ele conseguiu esconder seu espírito de mim, mas como?

.

Kyra fica atenta a tudo a sua volta. Tentando sentir o menor traço de espírito, mas não consegue

.

Bado:SHADOW SABERS (SABRES DAS SOMBRAS)

.

A voz do guerreiro parece vir de todo lugar, é impossível, mesmo para a audição élfica de Kyra, identificar a fonte, porém a guerreira sente algo. Bado surge das sombras, ele possui uma longa lâmina cósmica negra saindo de seu pulso direito, o guerreiro tenta golpear Kyra com a lâmina, mas ela consegue esquivar no ultimo segundo, quando o guerreiro passa pela guerreira pode-se se ver a expressão de surpresa no rosto da elfa. Bado pousa de costas para Kyra, porém logo se vira, outra lâmina cósmica negra surge de seu pulso esquerdo, Bado cruza as lâminas colocando-se em posição de combate.

.

Kyra fala com um tom de surpresa e ironia

.

Kyra: Impressionante Bado, impressionante! Você conseguiu ocultar seu espírito,  até mesmo de mim. Deve ter sido assim que conseguiu escapar de minhas correntes. Infelizmente você ainda não dominou esta técnica muito bem, por isso pouco antes de atacar você revelou um pequeno traço de seu espírito, assim eu pude me esquivar

.

(Bado): Ela entendeu toda técnica, só de vê-la por um breve momento, entendeu melhor que eu o que aconteceu.  Conseguiu pegar a essência dessa técnica e eu nem sei qual ela é! Como!

.

Kyra: Não vai conseguir se esconder desta vez! Meu golpe destruirá todas as sombras!LIGHT FOCUS(FOCO DA LUZ)

.

Kyra guarda suas espadas, todo o corpo dela emite uma grande luz, todas as sombras do local somem. Ela levanta as mãos, um fogo luminoso surge nela. Bado não consegue se mover direito, não consegue manifestar seu cosmo sombrio no meio de tanta luz, as lâminas sombrias de seus pulsos começam a desaparecer

.

(Bado): Mal consigo vê-la, como vou saber quando ela vai atacar. Espera! O que é aquilo?

.

Mesmo só vendo a silueta de Kyra, Bado consegue perceber que a parte do ombro esquerdo mais próxima de seu pescoço dela, que não esta protegida pela obreira da armadura, está brilhando menos que o resto do corpo, olhando-se de perto se pode que a área com menos brilho tem o formato de cinco cortes de garra

.

(Bado): Claro! Agora me lembro, naquela hora, quando o Dragão de luz tomou o corpo de Kyra

.

Bado se lembra da cena:

.

Passado, quando Kyra se juntou ao dragão de luz Moin——————————–

.

Kyra se aproxima do Dragão e encosta nele. Ela começa a ser envolvida por uma energia luminosa e é tragada para dentro do dragão

.

 

Bado: Kyra não! KYRA!!!

.

Bado eleva seu cosmo cheio de raiva em volta dele. Uma barreira parece se quebrar e ele sente suas forças de volta.

.

Bado:SHADOW VIKING TIGER CLAW (GARRAS DO TIGRE DA SOMBRA)

.

Bado se solta do dragão e golpeia o centro dele. O dragão parece deixar o corpo de Kyra por um momento, mas depois volta. O dragão de luz some, Kyra aparece com uma armadura de dragão e duas espadas

.

Kyra: Eu sou Kyra de Moin

.

De volta ao presente——————————————

.

(Bado): Aquele foi o local que eu atingi com minhas garras, esta pode minha única chance! Alcor! Você sabe o que quero fazer, então me ajude!

.

Bado aumenta de seu cosmo de alguma forma e oculta sua presença e seu espírito, como fez antes. O guerreiro salta e numa velocidade impressionante e chega até a guerreira de Moin.

.

Bado:SHADOW SABERS (SABRES DAS SOMBRAS)

.

Bado crava seu sabre sombrio, no ombro de Kyra, no local que está emitindo menos luz. Kyra estava tão concentrada em seu ataque que não percebe a aproximação do guerreiro. De fato ela só percebe que levou golpe quando sente a perfuração de sua pele, a lâmina sombria dentro de seu corpo, faz com que a emissão de luz pare. Kyra se sente fraca como se aquele sabre sombrio estivesse sugando seu cosmo, ela não feriu o interior de seu corpo, mas sim o seu espírito. Bado retira a lâmina sombria do corpo de Kyra, e salta para frente, assim Bado e Kyra ficam um de costas para outro

.

Kyra leva sua mão direita ao ombro atingido, seu rosto mostra uma expressão de surpresa, ela parece não entender o que aconteceu. Mas então se lembra de quando se fundiu a Moin

.

Kyra: Este foi lugar que você atingiu naquele dia!

.

Bado se vira e Kyra faz mesmo. O guerreiro das sombras sorri

.

Bado: Exatamente, naquele momento meu golpe das sombras deve ter criado, um ponto onde seu espírito não se fundiu perfeitamente com o dragão. Assim  um ponto fraco se formou na sua união com Moin.O fato de que isso ainda permanece mesmo depois de todo esse tempo, prova que uma parte da Kyra original,da Kyra que me salvou,ainda está tentando se livrar de você! Cada vez que atinjo esse ponto, a ligação entre você e esse corpo fica mais fraca. Logo eu te expulsarei desse corpo, dragão maligno!

.

Kyra sorri e tira a mão do ombro.

.

Kyra: Você ainda acha que Moin é um dragão maligno não é, pois veja isso!

.

Nas mãos de Kyra surgem duas chamas luminosas

.

Bado: O que é isso?

.

Kyra: Estes são dois espíritos de luz, dois espíritos que Moin salvou do inferno!

.

Bado: O que?

.

Kyra: Moin era um dragão que vivia ao lado da Yggdrasil, ele guardava a entrada para o Álfheim(mundo dos elfos da luz)  ele podia ver as almas de pessoas mortas caindo no Helheim (o inferno dos nórdicos). Moin nunca achou justo que mesmo guerreiros valentes, eram condenados ao inferno, por terem morrido por doenças ou de velhice. Por isso ele pegava todas as almas que passavam perto dele, e as guardava dentro de seu corpo transformando-as em espíritos de luz. Ele foi morto por Thor quando os deuses descobriram. Loki pegou suas escamas e fez esta armadura com ajuda dos anões, o espírito de Moin foi aprisionado nela. Por isso agora que Moin se fundiu a mim é minha missão criar um novo mundo para estes espíritos de luz! Quando Ragnarok acabar esse mundo injusto será destruído! Um novo mundo surgirá onde estes espíritos poderão viver em paz!

.

Surgem mais milhares de espíritos luminosos em volta de Kyra.Ela então desembainha  suas espadas e as junta acima da cabeça , formando a espada de dois gumes.Esta brilha chamando todos espíritos para próximo de Kyra, os espíritos  circundam a guerreira e começam a girar em volta dela.Os olhos de da guerreira emitem um brilho de cor dourada

.

Kyra: Eu prometi a salvação para esses espíritos, e para me ajudar eles fornecem a sua energia a mim. Receba o nosso poder guerreiro das sombras. LUMINOUS SPIRITS (ESPIRITOS LUMINOSOS)!!!

.

Kyra da faz um corte vertical com sua espada, todos os espíritos em volta dela voam em direção a Bado. Este tenta escapar usando sua agilidade, mas os espíritos parecem segui-lo.

.

(Bado): Eles devem estar seguindo meu cosmo!

.

Bado oculta seu cosmo e seu espírito, os espíritos luminosos param de segui-lo e começam a voar aleatoriamente como se estivessem procurando seu alvo, eles são muito rápidos e parecem vários de luz voando em todas as direções, alguns chegam perto de Bado por acaso, mas o guerreiro consegue se esquivar facilmente. Kyra se enfurece

.

Kyra: Não vai dar certo desta vez Bado! SPIRIT REVELATION (REVELAÇÃO DO ESPIRITO)

.

Ela estende a mão esquerda que começa a brilhar. Bado sente algo em seu interior, uma luz surge em seu peito, é o seu espírito brilhando. O mesmo ocorre com todos os seres vivos da área, inclusive os animais e as árvores. Os espíritos luminosos percebem o espírito de Bado. Antes que o guerreiro possa reagir os espíritos o atingem. Eles passam pelo seu corpo como se fossem fantasmas, não causando nenhum ferimento, porém Bado sente uma dor imensa cada vez que um espírito passa pelo corpo. Ele cai de joelhos no chão se sentindo muito fraco, os espíritos luminosos voltam para perto de Kyra

.

Bado: O que está acontecendo?

.

Kyra: Os espíritos luminosos não ferem seu corpo, mas sim sua alma. Logo ela será destruída, não sobrara nada para dizer que você esteve aqui….O que!?

.

Bado começa a se levantar com muita dificuldade, mesmo fraco ele aumenta seu cosmo

.

Kyra: Porque continua a lutar!?

.

Bado: Porque, você está errada!

.

Kyra: Como!

.

Bado: Eu mais do que todos sei que esse mundo é injusto. Eu sofri muito e muitas vezes quis destruir esse mundo que só me trouxe sofrimento, mas depois que lutei com o Cavaleiro de Fenix, eu percebi que estava errado. Este mundo está sim cheio de injustiças, mas também possui amor e pessoas boas. Elas não merecem morrer!

.

Kyra: Bado o destino desse mundo é acabar no Ragnarok , para que um mundo melhor surja!

.

Bado: Sim, mas no verdadeiro Ragnarok todos devem lutar! Todos devem ser julgados como iguais! Ninguém deve ser privilegiado. Você diz que esse mundo é injusto, mas você também é! Você privilegia seus preciosos espíritos de luz e quer destruir todo o resto. Que mundo pode surgir desse tipo de destruição injusta? Você acredita que todas as sombras devem ser destruídas para criar um mundo melhor! Mas está errada!! Um mundo novo e justo só pode surgir do equilíbrio entre a sombra e a luz. Eu sou um guerreiro de Odin!!! Eu tenho a missão de proteger todos os espíritos desse mundo, sem distinção!! É meu dever proteger o equilíbrio deste mundo! Por isso…Eu sempre levantarei minhas garras para impedir seres como você!

.

A imagem de um grande tigre sombrio aparece atrás de Bado. Suas grandes presas brilham na escuridão que o envolve. Atrás de Kyra surge a imagem de um Dragão luminoso, e vários espíritos de luz estão a sua volta.

.

Fim do capitulo 24

.

Condenação ao Heiheim dos Nórdicos: O povos nórdicos acreditavam que todos aqueles que morriam por velhice ou por doenças eram condenados, não importando que tipo de pessoas eles eram,. Só aqueles que morriam em batalha eram aceitos em Asgard

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s